Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Bolsonaro fala aos brasileiros: “Povo se libertou do socialismo”

Logotipo do(a) Exame.com Exame.com 01/01/2019 Da Redação
O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro © Divulgação O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

São Paulo – “Essa é a nossa bandeira, que jamais será vermelha”, foi com essa frase que o presidente Jair Bolsonaro, que assumiu a Presidência do Brasil neste 1º de janeiro de 2019, finalizou seu discurso no Palácio do Planalto, o segundo do dia e o primeiro realizado diretamente ao público que acompanhava a cerimônia da posse presidencial ao vivo.

A grande novidade foi a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, que falou primeiro no parlatório do Planalto, algo incomum, num discurso breve, traduzido em libras. Sob os gritos de “mito”, apelido que ganhou de seus seguidores mais fervorosos, Bolsonaro discursou em seguida, tocando, novamente em pontos frequentes da narrativa da sua campanha presidencial.

Visivelmente emocionado, o presidente chegou a tirar uma bandeira do Brasil do bolso e a agitou para uma plateia animada. “Deus preservou a minha vida e vocês acreditaram em mim”, disse o presidente empossado, “juntos, vamos fazer o Brasil ocupar um lugar de destaque que merece no mundo e trazer paz e prosperidade para o nosso povo”.

"É com humildade e honra que me dirijo a todos vocês como Presidente do Brasil. E me coloco diante de toda a nação, neste dia, como o dia em que o povo começou a se libertar do socialismo, da inversão de valores, do gigantismo estatal e do politicamente correto", continuou Bolsonaro.

“Respeitando os princípios do estado democrático, guiados pela Constituição e com Deus no coração, a partir de hoje vamos colocar em prática o projeto que a maioria do povo democraticamente escolheu, vamos promover as transformações que o país precisa. ”

“Graças a vocês fui eleito com a campanha mais barata da história. Graças a vocês conseguimos montar um governo sem conchavos”, continuou o presidente, notando que “ainda há desafios pela frente e não podemos deixar que ideologias dividam os brasileiros, ideologias que destroem nossos valores e tradições, destroem as famílias, que são os alicerces da sociedade”.

Veja as notícias mais importantes do dia no seu celular com o app Microsoft Notícias. Disponível para iOS e Android. Baixe agora.

Mais de Exame.com

image beaconimage beaconimage beacon