Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Estudante encontra perereca em salada do Outback

Logotipo do(a) Revista Menu Revista Menu 03/05/2021 Pedro Marques

A estudante de publicidade Melissa Torres, de 26 anos, teve uma surpresa nada agradável ao jantar com o marido e o filho em uma unidade da rede de restaurantes Outback em Natal (RN): ao comer uma salada, ela encontrou uma perereca morta entre as folhas. Ela imediatamente fez uma foto do prato, que viralizou nas redes sociais.

+Após confusão, homem descobre que animal perigoso é um croissant

+Jacquin reclama de xixi de cachorro em horta de restaurante; assista

+Erro faz pescadores de RN perderem atum raro de R$ 140 mil

Segundo Melissa, ela e sua amiga resolveram pedir uma salada para dividir, mas acabaram recebendo, dentro do prato, a perereca como surpresa desagradável. “Já começou errado porque pedimos uma salada e o garçom trouxe duas. Devolvemos a segunda. Minha amiga pegou um pouco para ela e eu, uma quantidade maior. Fui premiada”, contou Melissa ao UOL.

Ela diz ainda que chegou a comer um pouco da comida do prato antes de perceber o animal. “Quase comi uma rã. É inaceitável uma coisa dessa”, lamenta. O animal, na verdade, é da família das pererecas, embora realmente se pareça com uma rã.

“O gerente regional do Nordeste me ligou e se desculpou. Ele me convidou para uma nova experiência no Outback. Explicou que os ingredientes dos pratos não levam agrotóxicos, mas que também considera que a situação não pode ser aceita”, relatou a “presenteada” com a perereca no prato.

Em comunicado, a Bloomin’ Brands , grupo detentor da marca Outback Steakhouse se desculpou. “Informamos que lamentamos muito o ocorrido. Entramos em contato com a cliente, conversamos e a situação foi resolvida”, afirmou a empresa.

“Em 24 anos de atuação no Brasil, temos um compromisso histórico com nossos clientes, além do compromisso com os procedimentos que buscam garantir uma excepcional experiência ao consumidor “, escreveu o grupo detentor do Outback.

(*) Da redação da Menu

Mais de Revista Menu

image beaconimage beaconimage beacon