Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Autoridade Palestiniana diz não ceder direitos, Israel assume continuar ofensiva

Estes são os mais graves confrontos entre Israel e o Hamas desde 2014. Na origem desta nova escalada de violência, está o protesto de milhares de palestinianos contra a expulsão de famílias árabes de um bairro de Jerusalém Oriental.
image beaconimage beaconimage beacon